Expressões em diálogos

Salut! Comment ça va? Hoje trago cinco pequenos diálogos do cotidiano com algumas expressões idiomáticas bem comuns do francês.

01.
– Tu ne vois plus Jean-Charles? (Você não encontra mais o Jean-Charles?)
– Ah non, depuis qu’il est devenu directeur, il a la grosse tête, il ne parle plus aux vieux copains! (Ah não, desde que ele virou diretor, o sucesso lhe subiu à cabeça, e ele não fala mais com os velhos amigos!)

02.
– Tu as connu les Dupond? Comment les as-tu trouvés? (Você conheceu os Dupond? O que você achou deles?)
– Adorables! Ils m’ont accueilli à bras ouverts! (Adoráveis! Eles me receberam de braços abertos!)

03.
– Papa, on y va quand à la piscine? (Papai, quando vamos à piscina?)
– Arrête de me poser cette question, tu me casses les pieds! (Pára de me fazer esta pergunta, você está me irritando!)

04.
– Regarde, j’ai terminé! (Olha, terminei!)
– Ma chérie, comme il est beau ce bouquet! Tu as vraiment des doigts de fée! (Minha querida, que lindo este buquê! Você é muito habilidosa!)

05.
– Tu t’occupes des enfants? Je dois sortir cinq minutes. (Dá uma olhada nas crianças? Tenho que sair cinco minutos.)
– Ne t’inquiète pas, je les ai à l’oeil! (Não se preocupe, fico de olho neles!)

On se voit demain!

TAGS

Receba mais dicas de francês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook. Bons estudos!

2.jpg

Adir Ferreira

Adir Ferreira é professor e tradutor de inglês e espanhol há 18 anos. Também fala francês e trabalha com educação corporativa, treina professores e ministra workshops sobre metodologia.

11 comentários

  • 08/02/11  
    Giancarlo Taveira diz: 1

    “- Papa, on y va quando à la piscine?”

    Por que utiliza-se “quando” ao invés de “quand”? Gostaria de saber a diferença entre os dois.

    Obrigado!

  • 08/02/11  
    Adir Ferreira diz: 2

    Giancarlo, foi um erro de digitação. Já corrigi. Obrigado pelo toque!

  • 08/02/11  
    Luci diz: 3

    Excellent chèr collègue…j’aime beaucoup tous les articles envoyés

  • 08/02/11  
    Lili Castro diz: 4

    Nossa, vc não imaginas como as suas dias são uteis!!Obrigada, e desejo continuar recebendo.

  • 09/02/11  
    Celso de Sá diz: 5

    Eu já tenho um nível de fluência, mas é sempre importante ficar lendo e relendo e escutando.

    “Ici on gagne du temps!”

  • 09/02/11  
    Aurora diz: 6

    Olá Adir, há tempos me cadastrei e venho recebendo dicas interessantes. A 1ª dica deste ano que me encorajou foi a resolução para aprender “vraiment” francês, eu adoro esta língua!Obrigada pelas dicas.
    Abraços
    Aurora

  • 12/02/11  
    Terezinha diz: 7

    Merci!!

  • 25/03/11  
    Douglas diz: 8

    Mes félicitations,

    Ton blog c’est magnifique.

  • 22/04/11  
    Dra Abadia Finholdt diz: 9

    Dicas ótimas! Amo estudar línguas! Sou cirurgiã ,mas minha paixão depois da medicina,são os idiomas…Beijo a todos os amantes dessa fascinante área do conhecimento.

  • 22/04/11  
    Dra Abadia Finholdt diz: 10

    In der Psychologie des Carl Gustav Jung ist die Intuition eine von vier psychologischen Grundfunktionen, die eine Wahrnehmung zukünftiger Entwicklungen mit all ihren Optionen und Potenzialen ermöglicht. Sie wird meist als instinktives Erfassen oder als gefühlsmäßige Ahnung wahrgenommen.
    Podem me ajudar a traduzir? O do google vcs já sabem como é…

  • 20/06/11  
    RAQUEL CRISTINA BARRETO POPADIUK diz: 11

    A língua franesa é fantastica, estamos eu e um grupo de amigos, todos os dias em conversação.